sexta-feira, 11 de abril de 2008

A DOR DA ESPERA . . .


Estou aqui,
sempre te esperando;
parado na estação do tempo,
desde que o Sol
apontou no horizonte
e emergiu do mar;
te espero há tanto,
que a Lua já se faz alta;
te esperava chegar,
e chegar alegre e risonha;
chegou o choro triste
esse... por Deus,
eu não esperava;
agora, estou só terminando
de arrumar minhas lembranças,
colocando as saudades
em ordem, no meu coração,
e já me levanto;
vou andar por aí...
só um último aviso(!)..
vou caminhar
em direção às águas...
bater pernas... e estarei
num ponto qualquer
de minha dor,
entre o litoral e o oceano,
onde vou curtir meu sonho..
ah... não espere por mim !


(Tadeu Paulo -- 2008-04-11)
Tadeu Paulo
Publicado no Recanto das Letras em 11/04/2008
Código do texto: T941747

Um comentário:

AREHUZA disse...

Com certeza a Poeta "Mulher das Estrelas" não consegue mais abrir a página e não ler seus poemas. Lindo blog. Parabéns. Vindo de vc não poderia ser diferente. Bjos Arethuza Viana